Iniciar sessão

Navegar para Cima
A aplicação Web não foi encontrada em http://civisa.azores.gov.pt/civisa/sismos. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
A aplicação Web não foi encontrada em http://civisa.azores.gov.pt/civisa/sismos. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
Última hora:
  • Ilha de S. Jorge (Sistema Vulcânico Fissural de Manadas) em Alerta Científico V3, após reativação do sistema vulcânico em profundidadeIlha Terceira (Vulcão de Santa Bárbara) em Alerta Científico V2 devido aos níveis de atividade microssísmicaAtividade sísmica na ilha de São Jorge encontra-se acima dos valores normais de referênciaAtividade sísmica no Vulcão de Santa Bárbara (ilha Terceira) encontra-se acima dos valores normais de referênciaIlha de S. Jorge, último sismo sentido: 18 de setembro às 13:06h, intensidade máxima III na freguesia de Santo AmaroCIVISA apela ao preenchimento do inquérito de macrossísmica em caso de sentir um sismo



Que fazer?

ANTES
 
Informe-se sobre as causas e efeitos possíveis de um sismo na sua zona. Fale sobre o assunto de uma forma tranquila e serena com os seus familiares e amigos.
 
Elabore um plano de emergência para a sua família. Certifique-se que todos sabem o que fazer no caso de ocorrer um sismo. Combine previamente um local de reunião, para o caso dos membros da família se separarem durante o sismo.
 
Organize o seu kit de emergência. Reúna uma lanterna, um rádio portátil e pilhas de reserva para ambos, bem como um extintor e um estojo de primeiros socorros.
 
Armazene ainda água em recipientes de plástico e alimentos enlatados para dois ou três dias (verifique com periodicidade os prazos de validade).
 
Identifique os locais mais seguros, distribuindo os seus familiares por eles: vão de portas interiores, cantos de paredes mestras, debaixo de mesas e camas sólidas. Mantenha uma distância de segurança em relação a objetos que possam cair ou estilhaçar.
 
Conheça os locais mais perigosos, como junto a janelas, espelhos, candeeiros, móveis e outros objetos que possam tombar. Não utilize elevadores e afaste-se de saídas para a rua.
 
Fixe as estantes, os vasos e floreiras às paredes da sua casa. Coloque os objetos pesados, ou de grande volume, no chão ou nas estantes mais baixas. Ensine todos os familiares como desligar a eletricidade e cortar a água e o gás. Tenha à mão, em local acessível, os números de telefone de serviços de emergência.
 
 
DURANTE
 
a) Dentro de casa
 
Abrigue-se no vão de uma porta interior, nos cantos das salas ou debaixo de uma mesa ou cama.
 
Mantenha-se afastado de janelas e espelhos. Tenha cuidado com a queda de candeeiros, móveis ou outros objetos.
 
b) Se estiver na rua
 
Dirija-se para um local aberto, com calma e serenidade, longe do mar ou cursos de água.
 
Não corra nem ande a vaguear pela ruas.
 
Mantenha-se afastado dos edifícios (sobretudo os mais degradados, altos ou isolados) dos postes de eletricidade e outros objetos que lhe possam cair em cima.
 
Afaste-se de taludes, muros, chaminés e varandas que possam desabar.
 
c) Se está a conduzir
 
Pare a viatura longe de edifícios, muros, taludes, postes e cabos de alta tensão e permaneça dentro dela.
 
 
DEPOIS
 
Mantenha a calma e conte com a ocorrência de possíveis réplicas.
 
Não se precipite para as escadas ou saídas. Nunca utilize elevadores.
 
Não fume, nem acenda fósforos ou isqueiros. Podem ocorrer fugas de gás.
 
Corte a água e o gás e desligue a eletricidade.
 
Utilize lanternas a pilhas.
 
Ligue o rádio e cumpra as recomendações que forem difundidas.
 
Limpe urgentemente os produtos inflamáveis que tenham sido derramados (ex: álcool ou tintas).
 
Evite passar por locais onde existam fios elétricos soltos.
 
Não utilize o telefone, exceto em caso de extrema urgência (feridos graves, fugas de gás ou incêndios).
 
Não circule pelas ruas para observar o que aconteceu. Liberte-as para as viaturas de socorro.